Maguetas e o Trimaísmo – Poema: O Sertão e o Velho Chico de Marineusa Santana

Lua de São Jorge com Mandacarú Florindo 120 x 100 cm

O Sertão e o Velho Chico
Marineusa Santana
Brejo Santo – Ceará – Brasil
Poeta do Grupo Ecos da Poesia

O Sertão enluarado
Espera ansiosamente
Molhar o chão estorricado
Com a água brevemente

Quem virá do “Velho Chico”
Numa certa quantidade
Doando-se ao Ceará amigo
Com muita disponibilidade

Doar-se-á com certeza
Na certa proporção
Aos outros estados, que beleza!
Causando-nos grande emoção

É bom sentir a gratidão
De todo e cada nordestino
Que é também da Nação
Um filho que espere carinho.

O quadro exposto já foi vendido.
Giclee sob encomenda dessa obra.

Entre em contato e saiba como adquirir essa obra

EnglishPortuguêsEspañol